PALAVRA DO FUNDADOR




QUARESMA: CAMINHO DA HUMANIDADE RUMO À PÁTRIA DEFINITIVA.
POR: PE. TARCÍSIO AVELINO

Queridos irmãos,

Neste primeiro domingo da Quaresma a liturgia nos traz um resumo do que consiste a vida humana neste mundo, consiste numa constante batalha com o inimigo que se inaugurou com a desobediência de nossos primeiros pais, como vemos na primeira leitura, mas que, como lemos na segunda leitura foi reparada pela obediência da única pessoa capaz de anular as consequencias da ruptura de nossos primeiros pais, com Este Deus que do nada nos criou por amor.
As tres leituras nos mostram que, desde a criação a vida humana, por causa desta desobediência, consiste nesta constante batalha com o tentador, que, não tem nada de criativo, uma vez que a mesma tática que usou com no Paraíso, usou com o povo de Deus no deserto e usa até hoje, na plenitude deste novo tempo que Nosso Senhor Jesus veio inaugurar que durará até o fim do mundo.
Sim. O Inimigo usa sempre as mesmas táticas.
Assim como no Paraíso usou o alimento para aliciar Eva à queda,seduzindo-a com o fruto proibido, tambem foi por causa do alimento que o povo de Deus caiu na primeira contenda com Ele no deserto, quando, em resposta de sua murmuração O Bom Deus respondeu dando-lhes o maná do céu. E foi também com o alimento que Satanás incomodou Jesus com a primeira tentação no deserto, no entanto a resposta de Nosso Senhor nos dá o segredo para vencermos essa primeira tentação que é a do TER, a de se preocupar com nosso sustento e subsistência: "não só de pão vive o homem mas de toda a Palavra que sai da boca do Pai", Palavra essa, que se encarnou para se tornar O PÃO VIVO QUE DÁ A VIDA ETERNA. É Ele mesmo que nos ensinou a olhar os lirios do campo para não nos preocuparmos com o dia de amanhã, e mandou nos também olhar os pássaros do céu para nos lembrar que se O BOM DEUS não lhes deixa faltar o sustento, muito menos o deixará faltar um de Seus filhos criados à Sua Imagem e Semelhança.
Foi Ele que certa vez, multiplicou o pão para uma multidão que havia vindo de longe para escutar Suas Palavras, confirmando o que nos havia dito: "buscai primeiro o Reino de Deus e a sua justiça e tudo o mais vos será acrescentado"
À segunda tentaçao de Jesus no deserto, corresponde à segunda tentação de Eva no Paraíso, "SEREIS COMO DEUS", que corresponde à segunda tentação do povo no deserto quando em Massa e Meriba, se rebelaram contra Deus exigindo que Moisés lhes providenciasse água para beber. Querem ser como Deus providenciando eles mesmo a água para sua sede. Mais uma vez Nosso senhor nos ensina a vencer esta tentaçao de querer SER Deus, ou seja, de ocupar o lugar de Deus, toda vez que os pais querem manipular seus filhos escolhendo a profissão e vocação para eles esquecendo-se que esta é um dom de Deus concedido a cada um desde toda eternidade. Toda vez que um patrão tenta manipular seus súditos ou os cientistas tentam explicar cientificamente todas as imprevisibilidades do tempo, que nem sempre é possível prever, bem como toda vez que os cientistas se arrogam o direito de manipular a vida humana, precisam se cuidar para não ceder à tentação de querer ser Deus. A essa segunda tentaçao Nosso Senhor nos ensina a vencer dizendo "não tentarás O Senhor teu Deus". com isso Nosso Senhor está dizendo a Satanás que Ele É DEUS e por isso não precisa saltar de um precipício para provar quem Ele é, uma vez que Sua Palavra Eterna prescreve que a Deus não se tenta.
E, finalmente, à terceira tentação de Nosso Senhor corresponde, no Paraíso, à tentaçao do PODER, "no dia em que dele (do fruto) comerdes, tereis o mesmo poder de Deus, de conhecer o bem e o mal. Foi essa a mesma tática que O Antigo Inimigo usou com o povo no deserto quando, Moisés, demorando-se a regressar do monte, com os 10 mandamentos resolveram arrogar-se o PODER de criar o seu próprio Deus para poder adorar um deus mudo que não exige nada de ninguém, nenhum mandamento. Quantas vezes nós também fabricamos nossos ídolos de dinheiro, vaidades e status, para prescindirmos de Um Deus exigente, esquecendo-nos de que se Deus exige que andemos nos Seus caminhos é porque nos ama e por saber que só neles teremos a felicidade e a paz... a essa tentação Nosso Senhor nos ensina como vencer "adorarás o Senhor Teu Deus e só a Ele servirás", ou seja, Cristo está dizendo que Ele é Deus, o dono de tudo, por isso não precisa se encurvar diante de Satanás para merecer a reverência devida aos poderosos deste mundo, porque, como Deus, Ele é o TODO PODEROSO a quem são devidas a honra, a glória e poder, pelos séculos dos séculos. AMÉM.
Que nesta quaresma todos nós aprendamos a imitar a NOSSO SENHOR, buscando conhecer Sua Palavra, única arma capaz de vencer o tentador, bem como o jejum que é o exemplo máximo de todas as mortificações as quais precisamos submeter nossa vontade própria marcada, desde o início da criaçao, pelo egoísmo e pelo orgulho, só assim, poderemos ter o auto-domínio sobre ela quando o Tentador solicitar nosa vontade para o pecado.
Um abraço a todos. Deus lhes abençoe.
Pe. Jurandi (D. Tarcísio)

4 comentários:

  1. Olá Dom Tarcísio,suplico a Deus, que o Senhor seja abençoado, iluminado,conduzido sempre pelo Espírito Santo para a criação desta comunidade, que é uma vontade de Deus, e com toda certeza será instrumento Dele na vida de muitos!Que Nosso Senhor Jesus Cristo e Nossa Senhora estejam sempre com o Senhor nesta missão!Abraço com o pedido de bênçãos,
    Mônica

    ResponderExcluir
  2. QUERIDA MONICA,

    MUITO OBRIGADO PELO SEU INCENTIVO E PRESENÇA AMIGA DE TODA SUA MARAVILHOSA FAMÍLIA SEMPRE DISPOSTOS A TRABALHAR NA OBRA DE DEUS. SE EM CADA PARÓQUIA TIVESSE UMA FAMÍLIA COMO A SUA,COM CERTEZA, O REINO DE DEUS AVANÇARIA MUITO MAIS RAPIDAMENTE.
    DEUS ABENÇOE.

    ResponderExcluir
  3. A sua Benção D. Tarcísio...
    Que Deus Ilumine o seu caminho sempre... e sempre mais.E que essa linda obra de Deus tenha muitos e muitos frutos.Eu e minha família nos consideramos frutinhos dos seus encinamentos.Que os ANJOS juntamente com MARIA esteja sempre a enterceder por essa lida e maravilhosa obra.
    " Tudo que Deus permite, revela graças."

    ResponderExcluir